quinta-feira, 20 de agosto de 2015

História das Ruas de São Gotardo - parte 1



 A seguir veja um pouco da biografia de figuras ilustres que dão nome a importantes ruas de São Gotardo
Rua José Maria de Melo - A rua recebeu esse nome em homenagem a José Maria Melo, que foi o delegado municipal e funcionário da Prefeitura, na gestão do prefeito Zé Moreira, como responsável pelo departamento de máquinas.
Referências: Lava Jato Mister M, Auto diesel e Bar da Baiana.

Rua José Ribeiro de Souza - A rua recebeu este nome em homenagem a José Ribeiro de Souza, conhecido como Josa Ribeiro, que escreveu uma página na história comercial, política e social de São Gotardo.
Referências: Gráfica Triangulo, Vidro Box, Autoescola colibri e consultório odontológico Dra. Izabela.


Rua Pinheiro Machado - A rua recebeu esse nome em homenagem a José Gomes Pinheiro Machado, que nasceu em Cruz Alta (Rio Grande do Sul), aliou-se voluntariamente às forças brasileiras que combatiam os paraguaios. Foi uma figura política dominante da República Velha, no Rio Grande do Sul.
Referências: Correios CD (Centro de Distribuição), Escola municipal Professor Balena, Madeireira Lopes e Igreja Universal.

Rua Tabelião Antônio Melgaço - A rua recebeu esse nome em homenagem a Antônio Melgaço Ferreira Guimarães, que era o titular do Cartório de Segundo Ofício, em São Gotardo, foi nomeado Tabelião de Segundo Oficio Juridical e Notas em 13 de maio de 1950, pelo Governador de Minas Gerais, Dr. Milton Campos.
Referências: Papelaria Classic, Maxtec sistema de segurança, Contabilidade José Wilson e Mercearia Dom Bosco.

Rua Tabelião João Lopes Fonte Boa - A rua recebeu esse nome em homenagem a João Lopes Fonte Boa, que ajudou a promover o desenvolvimento de São Gotardo, vila-cidade, tendo sido nomeado ao cargo de titular do Cartório do 2° Oficio e Notas.
Referências: Cozinha da terra, Clube Campestre, Marshmalow e Kabana`s bar.

Rua Dr. Joaquim dos Santos Siqueira - A rua recebeu esse nome em homenagem a Joaquim dos Santos Siqueira, que formou-se pela faculdade de Medicina da UFMG, foi o primeiro introdutor da cirurgia em São Gotardo, trabalhando dentro de normas e tecnologias muito limitadas.
Referências: Casa dos Fazendeiros, Elviras Boutique, Sinhaninha’s Boutique e Essência.

Avenida Prefeito Erotides Batista - A rua recebeu esse nome em homenagem a Erotides Batista, que veio para São Gotardo como gerente do Banco Comércio e Industrial de Minas Gerais, foi eleito a prefeito de São Gotardo no ano de 1968.
Referências: Godiva, Comercial Selado, Escola Estadual José Caetano Ribeiro e Posto Alpa 3.

Rua São Pio X - A rua recebeu esse nome em homenagem ao  Papa Giuseppe Melchior Sarto, que foi eleito papa em agosto de 1903, dedicou-se somente aos problemas apostólicos e à defesa do catolicismo romano.
Referências: Escola Estadual São Pio X, Supermercado São Sebastião, Souza tecidos e Papelaria São Pio x.


Rua Prefeito Sebastião Lopes Fonte Boa: A rua recebeu esse nome em homenagem a Sebastião Lopes Fonte Boa, que foi um produtor de café em Perobas, foi portador de um título honorífico, mudou-se para São Gotardo onde construiu sua casa de comércio, com a queda da Bolsa de Nova York (1929), os negócios de café, entraram em declínio. Foi nomeado a prefeito.
Referências: Agromen, Bar dos amigos, e Chaminé de tijolinho.

Rua Professora Maria Coeli Franco de Lima: A rua recebeu esse nome em homenagem a Maria Coeli Franco de Lima que foi fundadora e construtora da “Escola Hebe”, atualmente chamada de “Escola Estadual José Caetano Ribeiro”, dedicou-se ao ensino primário, durante algum período exerceu o cargo de Diretora na “Escola Estadual Conselheiro Afonso Pena”
Referências: Prefeitura municipal de São Gotardo, Estádio Municipal Olavo Bilac e Crass SG.

Pesquisa: Fabiana Aline Rodrigues, Gabriel Soares Soares Resende, Gustavo Alves Castro, 3º ano 03.
 

Fonte: PESSOA, José. Raízes de São Gotardo. Graf Zardo, Out. 2001.

Nenhum comentário:

Postar um comentário